domingo, 4 de dezembro de 2011

Baterista mirim quer trocar a igreja pelos palcos de punk rock

                          
Daniel Antônio, na Folha.com

     Com a ajuda da avó, Pedro Tolotto, 10, brincou de tocar bateria pela primeira vez aos dois anos. Mesmo sendo bem novo, seu corpo já vibrava ao som do instrumento que era tocado pelo irmão mais velho.
      A brincadeira continua e, a cada dia, fica mais séria. Pedro tem um quarto só para tocar o instrumento. É lá que ele guarda sua coleção de baquetas. Por enquanto ele tem sete, mas pretende um dia ter uma centena delas.
      Uma, porém, é especial. Ela acende quando usada e foi dada de presente pelo irmão, o músico Gabriel Tolloto, 22.
     O pequeno aprendiz ensaia todos os dias e sonha em formar uma banda de punk rock. Até isso acontecer, ele pratica tocando músicas religiosas com amigos, em uma igreja frequentada pela família.
      O jeito tímido de Pedro encontra na música uma aliada: “O rock é uma boa forma de fazer amizade e conhecer o estilo das pessoas”, ele diz.

foto: Gabo Morales/Folhapress

Nenhum comentário:

Postar um comentário