terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Nos EUA, grupo católico faz campanha milionária para atrair fiéis

Um grupo de católicos está investindo US$ 4 milhões (R$ 6,8 milhões) em uma campanha para atrair os devotos que se afastaram da igreja e também para tentar sensibilizar os não religiosos, incluindo agnósticos e ateus. O grupo criou uma entidade que se chama Catholics Come Home (Católicos Voltem para Casa). 

A campanha, que se baseia em testemunhos, ressalta a importância da Igreja Católica na promoção de obras de caridade e de assistência social e lembra que se trata de uma religião de 2.000 anos.

Os anúncios da campanha serão transmitidos em inglês e em espanhol pelo menos 400 vezes no total neste final de ano na CBS, NBC e CNN. A expectativa é de que atinjam 240 milhões de espectadores em mais de 10.000 cidades.

Pesquisa de 2009 da Igreja Católica americana apurou que naquele ano o número de católicos era de 68 milhões ou 22% da população. De acordo com estimativas independentes recentes, cerca de 2 milhões de fiéis se afastaram da igreja desde a explosão do escândalo dos padres pedófilos no país.

O site da Catholics Come Home informa que apenas 33% dos católicos vão à missa semanalmente. “Isso significa que cerca de 42,7 milhões de católicos americanos não são religiosos praticantes.”

A entidade também está preocupada com o crescimento da parcela da população constituída por não religiosos ou seculares. Informa, com um ponto de exclamação, que essa parcela aumentou 110% de 1990 a 2000. “Agora ela representa 13,2% da população.”

Welcome home

Campanha americana pede volta dos católicos às... por Paulopes

Nenhum comentário:

Postar um comentário