segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

“Profeta” diz que Jesus Cristo está voltando em 27 de maio de 2012


 

Ronald Weinland se considera um profeta de Deus. Ele continua a alertar que Jesus Cristo está voltando em 27 de maio de 2012. Aos que não acreditam nele e zombam de sua mensagem, ele afirma que vão morrer de câncer.
Seu site,  Church of God – PKG, afirma que várias vezes eventos indicando o fim começaram a ser desencadeados pela dispersão da Worldwide Church of God [Igreja Mundial de Deus] após a morte de seu fundador, Herbert W. Armstrong.
Para muitos, a Worldwide sempre foi uma seita, pois rejeitava a ideia de uma trindade, seguia o calendário de festividades do Antigo Testamento e tinha regras rígidas sobre o dízimo. Armstrong e seus seguidores acreditavam que Jesus Cristo retornaria à Terra em 1975.
Após a morte de Armstrong, em 1986, a igreja começou a mudar muito a sua teologia. Em abril de 2009, a Worldwide Church of God anunciou a mudança oficial do nome para Grace Communion International  [Comunhão Internacional da Graça]. Essas mudanças foram consideradas heréticas por pessoas como Weinland. A partir de então formaram-se várias igrejas dissidentes as quais acreditam que devem permanecer fiéis aos ensinamentos de Armstrong.
Mesmo após o episódio ridículo de Harold Camping, que marcou o fim dos tempos para maio e depois outubro de 2011, Weinland não desistiu de afirmar que 27 de maio deste é o dia do juízo final.
De acordo com o seu blog, começou ontem, 8 de janeiro de 2012 a “metade de um tempo” que a Bíblia anuncia. Ele insiste que  no dia 7 de janeiro, ocorreu um fato importante para o calendário de Deus. Seria o término do que o profeta Daniel chamou, no capítulo 7 de seu Livro, da medida profética de “tempo” e “tempos”, e que teve início após a Festa das Trombetas de 2009.
Estamos, portanto, no início do período final de 140 dias (metade de um tempo) que culminará com a própria vinda do Messias anunciado na profecia que afirma “um tempo, e tempos e a metade de um tempo”.
Weinland também prevê que “os Estados Unidos entrará em colapso” e haverá uma guerra nuclear antes de 27 de maio deste ano.
O pastor Ronald Weinland é autor do livro “2008: God’s Final Witness” [2008: a última testemunha de Deus]. Ele afirmou que centenas de milhares de pessoas morreriam a partir de 2006, quando o livro foi lançado.
No final daquele ano, ele afirmou que haveria no máximo dois anos antes do momento em que o mundo entrasse no pior período de toda a existência humana. Até o segundo semestre de 2008, os Estados Unidos teriam sofrido um colapso, e não existiria mais como um país independente.  Isso não aconteceu. Mesmo assim ele voltou a fazer os cálculos e marcou a nova data.
Weinland afirmava naquela época, e voltou a fazer isso agora, que se estiver errado “coloca a sua reputação como profeta de Deus em jogo”. Nos vídeos que tem postado no Youtube, ele diz ter sido nomeado pelo Deus de Abraão como o “Seu profeta do fim dos tempos e uma das duas testemunhas do Apocalipse”. É o “porta-voz” de Deus nos dias que precedem o retorno de Jesus Cristo.

Traduzido e adaptado de God Discussion

Nenhum comentário:

Postar um comentário