sexta-feira, 27 de abril de 2012

Bispo Edir Macedo afirma que ser humano é “o alvo principal dos demônios, pois foi criado à imagem e semelhança de Deus”.

Bispo Edir Macedo afirma que ser humano é “o alvo principal dos demônios, pois foi criado à imagem e semelhança de Deus”. Leia na íntegraO bispo Edir Macedo escreveu artigo falando sobre a origem dos demônios e seus propósitos.
O texto, publicado no site Arca Universal, afirma que o ser humano é “o alvo principal dos demônios, pois foi criado à imagem e semelhança de Deus”.
Segundo Edir Macedo, “a faculdade de se expressar através dos seus sentimentos” faz com que o homem torne-se a meta do diabo e seus seguidores, que planejam “afasta-lo de Deus” para utilizarem o corpo humano como ferramenta de expressão “no mundo físico em que vivemos”.
“Usam os corpos como bem entendem. Fazem-se passar por guias de luz, espíritos de familiares que já morreram médicos, profetas, exus, caboclos, pretos-velhos, etc..”, afirma Macedo.
O líder da Igreja Universal do Reino de Deus argumenta sobre isso, afirmando que “dessa forma, conseguem entrar não só na residência de pessoas importantes, como nos casebres mais humildes, levando a mentira, o engano, e a destruição a todas as pessoas que estão sem Jesus”.
Edir Macedo frisa que os problemas sociais são culpa dos demônios: “Atuam no âmbito da religião, da ciência, causando a miséria e a dor; têm prazer no sofrimento e na desventura; encaminha o homem a praticar tudo o que causa repúdio à santidade de Deus. Os vícios, os jogos de azar, a prostituição, o crime, o roubo e tudo mais que atenta contra o caráter de Deus são práticas comuns aos demônios, que fazem questão de mantê-las entre os homens, desgraçando a sociedade”.
Confira a íntegra do artigo “Quem são os demônios”, do bispo Edir Macedo:
Os demônios são seres decaídos que procuram afligir a humanidade e colocar sobre os homens todo tipo de doença, desgraça, infelicidade, etc.. O homem é, portanto, o alvo principal dos demônios, pois foi criado à imagem e semelhança de Deus e tem a faculdade de se expressar através de seus sentimentos.
Os demônios anseiam apossar-se do homem e, com isso, alcançar dois objetivos principais: afastá-lo de Deus, desgraçando sua vida e utilizar-se do corpo humano para poder expressar-se no mundo físico em que vivemos.
A Bíblia descreve satanás como o líder dos demônios. Ele foi um anjo expulso do céu, criado por Deus para uma nobre missão, e foi ungido como “querubim”, sendo o chefe dos demais anjos e tendo acesso à presença de Deus. Era tão formoso que recebeu o nome de Lúcifer, que significa cheio de luz. Era coberto de pedras preciosas. No brilho das pedras, deixava a sombra de seu resplendor; formosura e sabedoria faziam-no perfeito. Um dia achou-se iniquidade nele. O orgulho subiu ao seu coração e almejou ser igual a Deus; queria assumir a posição do Criador e tomar o Seu lugar. Para isso, não teve dificuldades em arranjar um grupo de seguidores entre os demais anjos.
Assim, tendo os anjos rebelados e seguidos a Lúcifer, foram banidos para sempre da presença de Deus. Todo o senso de bondade, amor, paz e benignidade foram deixados de lado para dar lugar ao ódio, maldade e destruição.
Quando Lúcifer foi lançado fora do céu, levou consigo o grupo de anjos rebeldes. Lúcifer tornou-se o diabo, e os anjos vieram a ser os demônios, isso porque não pararam, estão até hoje procurando destruir tudo o que é de Deus e usam os corpos dos homens para levar a cabo seus intentos malignos. Como não possuem corpos, se utilizam dos corpos humanos para realizar suas obras destruidoras.
Usam os corpos como bem entendem. Fazem-se passar por guias de luz, espíritos de familiares que já morreram médicos, profetas, exus, caboclos, pretos-velhos, etc..
Desta forma, conseguem entrar não só na residência de pessoas importantes, como nos casebres mais humildes, levando a mentira, o engano, e a destruição a todas as pessoas que estão sem Jesus.
Atuam no âmbito da religião, da ciência, causando a miséria e a dor; têm prazer no sofrimento e na desventura; encaminha o homem a praticar tudo o que causa repúdio à santidade de Deus. Os vícios, os jogos de azar, a prostituição, o crime, o roubo e tudo mais que atenta contra o caráter de Deus são práticas comuns aos demônios, que fazem questão de mantê-las entre os homens, desgraçando a sociedade.
Graças a Deus, por Jesus Cristo, que venceu todas as potestades malignas e nos deu condições, de em Seu nome fazer as mesmas obras. Aqueles que rejeitam a soberania de Deus através do Senhor Jesus são presas fáceis para os espíritos demoníacos, mas os que procuram se libertar das garras do diabo têm em Jesus a certeza da vitória.
Em nossas igrejas, milhares de pessoas recebem a libertação e a cura através da oração da fé. Pessoas que serviram aos demônios por longos anos são hoje criaturas sadias, felizes e cheias de fé, graças ao poder do Senhor Jesus operando em suas vidas.
Fonte: Gospel+

Nenhum comentário:

Postar um comentário