terça-feira, 5 de junho de 2012

Jovem pede ajuda em igreja e culto acaba em pancadaria



Jovem pede ajuda em igreja e culto acaba em pancadaria
Um jovem entrou em uma igreja evangélica da cidade de Piracicaba, interior de São Paulo, durante o culto de domingo (3) conversou com a esposa do pastor e se sentou entre os demais membros. Minutos depois cerca de 40 pessoas entraram no templo para tentar agredir o jovem e o culto acabou em pancadaria.
O pastor Júlio César Carneiro, de 38 anos, prestou declaração para a Polícia e também falou com a reportagem do G1 explicando a sua versão sobre o ocorrido. “Esse rapaz entrou na igreja, conversou com a minha esposa e sentou. Minutos depois, 30 ou 40 pessoas estavam na frente da igreja para bater nele”, disse.
Carneiro precisou pular para tentar impedir que o jovem fosse agredido. “Eu pulei em um homem para tirar ele de cima do jovem. Fiquei com o cotovelo machucado”, disse o pastor.
Mas no boletim de ocorrência foi registrado que o tal jovem entrou na igreja para tentar fugir das pessoas que queriam agredi-lo por ele ser homossexual.
Outras versões dizem que ele teria roubado uma pessoa enquanto caminhava pelas ruas rumo a um baile funk. O jovem não teve seu nome divulgado e procurado pela redação do portal G1 não foi encontrado para explicar os motivos dessa agressão.
No culto estavam aproximadamente 70 pessoas que acabaram se envolvendo nessa confusão. “Teve senhora batendo com bíblia nas pessoas, gente correndo para proteger as crianças. Havia cerca de 30 crianças no culto. Graças a Deus não aconteceu nada de grave”, contou o pastor.
Com informações G1

2 comentários:

  1. Salvamos a vida do rapaz. . . se eles tivessem tirado o rapaz para fora da Igreja ele estaria Morto.....
    O rapaz é usuario de drogas, Homossexual, saiu da cadeia em janeiro....Deus Provou nossa fé ....arriscamos nossas vidas para salvar o estranho .... Glorias a Deus ...
    prjuliocarneiro@gmail.com

    ResponderExcluir