quarta-feira, 4 de julho de 2012

Cientologia nega estar vigiando Katie Holmes


Atriz acredita que a Igreja da Cientologia a considera uma ameaça para a organização. 
A Igreja da Cientologia negou notícias que indicavam que estaria vigiando Katie Holmes depois que a atriz pediu divórcio de Tom Cruise, membro atuante desta polêmica organização religiosa. 
Um advogado da igreja também desmentiu os rumores de que Cruise queria que sua filha de seis anos, Suri, participasse da Sea Org, um acampamento de treinamento desta religião. 
"Não há verdade alguma na notícia do TMZ.com (ou de qualquer outro órgão) de que a Igreja da Cientologia tenha enviado uma pessoa para seguir ou vigiar Holmes", afirmou o advogado Gary Soter à AFP em mensagem enviada por e-mail. 
"A afirmação de que uma menina de seis anos se uniria à Sea Org é igualmente falsa", acrescentou. 
O site de notícias de celebridades TMZ.com afirmou que Holmes temia que seu marido quisesse que sua filha se unisse à Sea Org num futuro próximo. 
Segundo fontes ligadas a Holmes, a atriz acredita que a Igreja da Cientologia a considera uma ameaça para a organização, e a colocou sob vigilância constante. 
Holmes, de 33 anos, mudou-se para Nova York após ter solicitado o divórcio do astro de Hollywood. 
De acordo com o TMZ, Katie preferiu entrar com o pedido de divórcio em Nova York por acreditar que os tribunais da cidade estarão mais inclinados a lhe conceder a guarda da filha do casal. 
Ainda segundo o site, a atriz deseja proteger a menina da influência da Igreja da Cientologia.



Nenhum comentário:

Postar um comentário