terça-feira, 17 de julho de 2012

Marcha para Jesus: ‘o Brasil será o maior país evangélico do mundo’, afirma líder evangélico

marcha para jesus

Marcha para Jesus 2012 bateu a marca dos 5 milhões de fiéis, segundo o apóstolo da igrejaRenascer em Cristo, organizadora da marcha. Segundo ele, o Brasil será o “maior país evangélico do mundo”.

"De norte a sul, este país se renderá aos pés de Jesus", discursou num trio elétrico Estevam Hernandes.
Apesar das estimativas do líder, a Polícia Militar estimou que houve mais de 1 milhão de participantes. Mas a questão dos números é controverso, afirma o próprio líder da Renascer.
O aumento do número de evangélicos na passeata se trata do aumento do número de evangélicos no país, diz Hernandes. Os evangélicos chegaram à marca dos 42,3 milhões, representando cerca de 22,2% da população do Brasil, segundo dados do censo do IBGE 2012, publicados recentemente.
O ministro da Pesca, Macelo Crivella, que é bispo da igreja Universal do Reino de Deus, acredita que os meios de comunicação como a rádio, internet e televisão, têm colaborado para este crescimento.
"As igrejas se reúnem todos os dias, os pastores ocupam rádios, TV e internet, inclusive nas madrugadas. É natural que isso traga um crescimento enorme", disse, segundo o Jornal Floripa.
Foram mais de 1.200 caravanas vindas de vários estados do Brasil e cerca de dois mil ônibus.
A marcha deu início por volta das 9h da manhã, saindo do centro da cidade em direção à zona norte, onde aí permaneceram até à noite com a execução de shows evangélicos.
A marcha teve como objetivo a proclamação da fé em Jesus Cristo e defendeu o tema “Reinando com Jesus”.
“Tem um monte de gente que não conhece a Jesus e trouxe um camarada para ouvir um rap, nós não viemos fazer som para religioso, nós viemos pra fazer a diferença, pois somos sal da terra,” disse o líder do grupo evangélico Ao Cubo.

Um comentário:

  1. A marcha para Jesus.

    O que eu penso sobre a marcha para Jesus. Vejo nesta marcha uma prepotência sem limites, uma demonstração do poder de arregimentar fieis, os quais seguem induzidos pela propaganda religiosa de uma parte expressiva do mundo evangélico, estas pessoas participantes deste movimento não têm nenhuma noção do que estão fazendo, pois já leram cansaram de saber que Jesus foi segundo a história uma pessoa humilde, sem nenhuma prepotência. Sendo assim este movimento com grandes aparatos de som que ensurdecem a cidade não tem nada a ver com Cristo. Os participantes estão apenas e tão somente colaborando para o enriquecimento ilícito de muitos falsos profetas que aproveitando da ingenuidade deste povo sofrido estão montando seus impérios de poder, mas o povo que acompanha e acredita seguem passivamente sem se dar conta dos interesses escusos dos incentivadores destes movimentos. Por ironia do destino tive o desprazer de cruzar um dia com este movimento, me deu náuseas o tremendo barulho, o qual era ensurdecedor, alem do barulho eles estavam colaborando com o atravancamento do transito em São Paulo que já é caótico no seu dia a dia. Estes religiosos ainda não aprenderam que a verdadeira demonstração de amor a Deus se por acaso ele existir não é feita desta maneira com grandes aparatos nas ruas com grandes demonstrações de poder, a verdadeira demonstração que eleva o espírito que transforma as pessoas vem do seu coração das suas atitudes com seus semelhantes, da sua honestidade e de seu caráter. Participar deste movimento é a meu ver falta de conhecimento do que é na verdade o trabalho de evangelização e de filantropia das religiões.

    Paulo Luiz Mendonça.

    ResponderExcluir