segunda-feira, 16 de julho de 2012

Marcha para Jesus teve shows, fiéis e políticos nas ruas da capital paulista

Mais de 5 milhões de evangélicos, de acordo com os organizadores, um pouco mais de 1 milhão de pessoas, segundo estimativa da Polícia Militar, participaram no sábado, 14, da Marcha para Jesus em São Paulo.
Sob o lema "Reinando com Jesus", o evento organizado pela Igreja Renascer em Cristo, liderada pelo apóstolo Hernandes, começou às 10h e teve 15 carros de som e a apresentação de 34 shows musicais em palco erguido na praça Heróis da Força Expedicionária, na zona norte da capital paulista. O evento terminou por volta das 22h. 
A Marcha também teve seu momento político. Participou da manifestação evangélica o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, e o ministro da Pesca, Marcelo Crivela, vinculado à Igreja Universal do Reino de Deus. Crivela transmitiu aos evangélico o abraço da presidente da República, Dilma Rousseff.
"Os brasileiros são uma bela mistura de raças, o que faz de nós um povo global. Para evangelizar o mundo não podemos mais contar com os americanos em função das guerras. Também não podemos esperar que essa ação venha da Europa, que está vivendo sua pior crise. Só através da unidade da igreja e de uma visão política teremos tratados de cooperação e reciprocidade com os países onde o Evangelho ainda não chegou", disse Crivela.
Essa foi a vigésima edição da Marcha, que passou a integrar o calendário oficial do país graça à lei sancionada em setembro de 2009 pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

ALC

Nenhum comentário:

Postar um comentário