quinta-feira, 9 de maio de 2013

Padre é acusado de estelionato por vender óleo milagroso


Padre é acusado de estelionato por vender óleo milagroso
O jornal SBT Brasil apresentou uma denúncia contra o padre católico conhecido como Frei Paulo que atuava na cidade de Contenda (PR). Ele está sendo investigado por cobrar dinheiro dos fiéis para aplica um óleo milagroso vindo da Alemanha.
O padre reúne dezenas de fiéis que pagam R$ 30,00 para o padre aplica o óleo atrás das orelhas e R$ 60,00 para o óleo ser aplicado nas costas. A suspeita começou com o fato de o padre já ter reunido milhares de pessoas do sul do país em suas reuniões.
Segundo Frei Paulo, ele cobra para aplicar o óleo milagroso porque ele compra de outro país e afirma que não usa o dinheiro para benefício próprio, porém a polícia desconfia de estelionato.
Logo que soube do caso, a Arquidiocese de Curitiba pediu à Cúria de Santa Catarina que o padre seja desligado da igreja por charlatanismo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário