sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Cristão, Dr. Hollywood diz que está “predestinado” a ser presidente do Brasil

Cristão, Dr. Hollywood diz que está “predestinado” a ser presidente do BrasilDr. Hollywood diz que está predestinado a ser presidente do Brasil
Você votaria em Roberto Miguel Junior para presidente? Não sabe quem é? Bem, ele é filho de missionários e está filiado ao Partido Social Cristão (PSC), o mesmo de Marco Feliciano,que também quer ser presidente.
Em março deste ano, Roberto anunciou que primeiro vai concorrer a um mandato de deputado federal. “Sou o sangue novo, os novos ares. Tenho formação em política e governo por Harvard, não sou um alienado querendo ganhar dinheiro por aqui. Aliás, dinheiro não preciso, já sou milionário”, declarou em uma entrevista esta semana.
O milionário Roberto é mais conhecido dos brasileiros como o “Doctor Rey”, que fazia o programa de TV “Dr. Hollywood”, onde mostrava sua vida como cirurgião plástico. Ele é um dos cirurgiões mais famosos e bem pagos do mundo, apresenta três programas de televisão – um no Brasil, outro na Itália e mais um na França – e é dono de uma empresa que vende dezenas de cremes e acessórios de beleza pela internet.
Nasceu em Ilhabela, litoral Norte de São Paulo. Mas aos 12 anos foi adotado por um casal de americanos e passou a morar nos Estados Unidos. Durante 20 anos lutou contra o preconceito dos americanos e tentava provar que poderia ser bem sucedido mesmo que os outros o vissem como um “pobre latino com duas passagens pela polícia antes dos dez anos”.
Aos 53 anos, faz um balanço de sua vida: “Entrei em medicina em Harvard para dar credibilidade ao “filho da faxineira”. Precisava também ser independente financeiramente, por isso vendo 18 produtos no mundo todo. Queria fama, por isso faço programas de televisão. Casei com uma gringa Miss, que é linda e por isso não é difícil de amar, porque eu precisava de uma família, e para provar para os gringos que podia casar com uma deles. Tudo que fiz foi para me preparar para a minha predestinação de elevação”.
O que ele chama de “predestinação de elevação” lhe dá coragem para declarar: “Ainda vou ser o presidente do Brasil”.  Ele acredita que seu eleitorado já está definido: ”Mulheres confiam em mim, assim como jovens e gays. Homens de quarenta nem me interessam, não vou ganhar eleição e dinheiro com eles. Vou ganhar como o Obama, meu calouro em Harvard”.
Sua plataforma é oferecer aos brasileiros muitas das condições que viu nos EUA. “Temos que aumentar o salário… para poderem ter uma vida digna”. Já declarou que, na sua opinião, o salário mínimo deveria ser 3 mil reais.
O segredo do seu sucesso? “Passei muitas horas de joelhos. E pago o dízimo todo mês”. O seu maior sonho?  “Estar perante do meu Deus, e falar: ‘Olha eu fiz os meus errinhos, mas eu melhorei a condição humana. E não tem que olhar para baixo. Eu quero olhar nos olhos de Deus. Quero também poder falar: “Fui leal a minha esposa, fui bom pai’.”
Mas seu maior desafio é justamente a vida familiar. A cada mês ele passa uma semana atendendo em Bervely Hills e também grava seus programas em Roma e Paris. Por isso enfrenta sérios problemas em seu casamento com a Miss Canadá Hayley Rey, 38 anos, com quem tem dois filhos: Sydney, 12 anos, e Robby, 8 anos.
“O preço da minha predestinação foi o meu casamento. Mas sou pró-família e não vou me divorciar até meus filhos irem para a faculdade. Eu e Hayley seguimos caminhos diferentes, temos vidas separadas, mas as compartilhamos com nossos filhos”, explica. Mas faz uma ressalva: “Confesso que beijo todas as mulheres que quero, mas nenhuma entra no meu quarto. Chego na beiradinha, mas não violo as leis de Deus.”

Com informações IG – Gente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário